sábado, 31 de julho de 2010

Sexo seguro.


Se você tiver algum tipo de preocupação quanto à possibilidade de contrair alguma doença sexualmente transmissível ou ficar grávida quando não o desejar então o sexo provavelmente não será divertido e prazeroso não importa o que você faça.

Em outras palavras obter segurança quanto aos seus cuidados para um sexo com segurança e controle de natalidade é uma das mais importantes para sua satisfação sexual.

Esta seção vai focalizar exclusivamente suplementos para sexo seguro. Para métodos de controle de natalidade efetivos, consulte um médico ou um posto de saúde.

Sexo seguro tem a ver com as precauções que devemos tomar para prevenir o contágio por doenças sexualmente transmissíveis. Além da AIDS, a mais temida das DST existem inúmeros outros vírus e infecções que podem passar entre parceiros sexuais: hepatite, herpes, clamidia, sífilis e gonorréia são as mais comuns. O risco destas doenças varia de sofrimento e infertilidade até a morte. Através de algumas praticas de sexo seguro você pode reduzir ou eliminar o risco de transmissão

A chave para sexo seguro é impedir que os fluidos do corpo, que podem conduzir vírus ou bactérias, sejam transmitidos entre as partes. Sangue, sêmen e líquidos vaginais são todos fluidos que podem transmitir doenças sexualmente transmissíveis (DSTs).

Masturbação individual ou conjunta não envolvendo a troca de fluidos é uma atividade de baixo risco. Havendo troca de fluidos contudo você deve usar algum tipo de ‘barreira”: preservativos, luvas, protetores bucais são projetados para impedir que os fluidos passem entre as partes. Os preservativos são usados principalmente em pênis e em acessórios de penetração mas existem preservativos para mulheres.

A maioria dos preservativos é feita em látex mas o poliuretano vem sendo usado para fabricar preservativos para pessoas sensíveis ao látex. Uma forma de atingir um bom nível de segurança na atividade sexual é decidir que grau de risco você quer assumir e comunicar para seu parceiro.

Como defensoras do uso de brinquedos sexuais gostamos de chamar a atenção para o fato de que brincar com acessórios sexuais é uma atividade de baixíssimo risco! Desde que você mantenha seus brinquedos separados (não compartilhe com ninguém) ou use preservativos quando for compartilhar.

Preservativos de Látex.

Do ponto de vista de saúde pública usar “preservativos” de látex para penetração pênis-vaginal e/ou pênis-anal, é um habito que pode fazer a maior diferença na luta contra as doenças sexualmente transmissíveis (DSTs).

Protetores em Látex

Uma forma de se proteger ao fazer sexo oral em uma mulher (cunnilingus) e ao lamber o ânus de alguém (analingus) é utilizar finos retângulos de látex. Uma dica importante: colocar um pouco de lubrificante à base de água no lado do protetor voltado para a pessoa que está como receptadora pode ajudar a ampliar suas sensações.

Infelizmente se você está acostumada a fazer cunnilingus sem uma proteção, mas agora sente que pela sua própria segurança e de sua parceira (o) deve utilizar uma barreira protetora a transição poderá ser bem difícil.Se isto continuar sendo difícil para você mesmo com a pratica, por favor, compreenda que não há nenhuma vergonha em usar as mãos como alternativa: particularmente se você aproveitar para beijar alguém apaixonadamente ou sussurrar ao seu ouvido ao mesmo tempo.Sexo com as mãos ao invés de com a boca pode ser muito bom...

Luvas de látex

Em especial quando alguma parte da pele de suas mãos estiver machucada (ou se houver alguma chance de entrar em contato com sangue) e se a situação de seu parceiro no que diz respeito a DST/AIDS for desconhecida luvas de látex podem fazer sentido para penetração utilizando a mão ou os dedos.Também podem ser úteis se você desejar penetrar no ânus de seu parceiro usando seus dedos e tiver preocupação com limpeza (já que tão logo tenha terminado poderá tirar a luva e jogá-la no lixo).

As luvas de látex negras são uma grande alternativa neste caso pelo fato de serem pretas parecem “descoladas”.

Alternativas para pessoas com alergias a Látex.

Para pessoas alérgicas a látex podem ser necessários produtos feitos com outros materiais.Se você for alérgica, a camisinha em poliuretano pode ser a opção (atenção o poliuretano não estica tanto quanto o látex). Para cunnilingus ou analingusem em caso de alergia a látex sua melhor opção provavelmente é a de usar papel plástico de cozinha (atenção não aquele que pode ser usado no microonda).Para mãos e dedos luvas de Nitril são bons substitutos (veja em lojas de produtos hospitalares).

Fonte: www.jardimdeva.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário