quarta-feira, 30 de março de 2011

Swinger

Swinger é hoje a palavra mais popular para denominar os lugares de troca de casais e de relações liberais. É uma palavra bem apropriada, uma vez que provém do verbo inglês "to swing", que significa ritmo ou balanço e remete à liberdade de movimentos.

Por isso, no jargão sexual, o swinger é aquela pessoa casada, solteira ou divorciada que, com a mente aberta e sem complexos, está disposta a experimentar o sexo em suas múltiplas possibilidades. Trata-se de um perfil bem determinado: é alguém que vive a sexualidade de forma natural e com plena liberdade de decisão; dedica-se a atividades bastante estimulantes como troca de parceiros, sexo grupal, trios ou outras opções preferidas disponíveis àqueles que participam de sessões nesse ambiente liberal.

Embora se acredite que o swinging seja praticado principalmente por casais estáveis, a verdade é que cada vez mais os solteiros e as solteiras incorporam ao seu estilo de vida essa estimulante prática sexual. Quase sempre são pessoas que têm uma relação equilibrada e boa consigo mesmas e também com seus parceiros, quando os têm.

Outra característica distintiva é a negação absoluta da monotonia e da rotina: frente a esse risco, elas preferem aventurar-se, liberar-se e buscar novos horizontes sexuais.

Fonte: Negócios BA

Nenhum comentário:

Postar um comentário